Pesquisar neste blogue

domingo, 13 de maio de 2012

Pisa - Torre Pendente

O ex libris de Pisa, para além da sua famosa inclinação, que parece desafiar as leis da física, é um edifício fora do comum. Com uma altura notável e um corpo esguio, esta torre é visível de todas as partes da Piazza del Duomo e, provavelmente do Rio Arno, servindo de ligação entre a cidade e o Campo dos Milagres.

Pisa - Torre Pendente - Exterior
Este edifício, originalmente concebido para ser a torre sineira da Catedral, é uma obra de arte em mármore branco, realizada em três fases ao longo de um período de cerca de 177 anos. A construção do primeiro andar começou no dia 9 de agosto de 1173.

Há controvérsia quanto ao autor do projecto original da Torre de Pisa. Alguns dos estudos mais recentes atribuem a autoria do projecto para Diotisalvi, que estava a construir, ao mesmo tempo, o batistério. As semelhanças entre os dois edifícios são muitas. Durante anos pensou-se que a autoria era de Bonanno Pisano.

Pisa - Torre Pendente - Duomo visto do 3º anel

A primeira fase do trabalho foi parada a meio do terceiro andar, devido ao afundamento do terreno no qual se ergue a base da torre. Isto deveu-se a uma fundação de meros três metros sobre um subsolo de areia e argila com pedra e cascalho.

O trabalho foi retomado em 1275 sob a orientação de Giovanni di Simone e Giovanni Pisano que acrescentaram três pisos ao edifício que tendem a curvar na direcção oposta à inclinação, numa tentativa de endireitar a torre.

O sétimo andar foi concluído em 1319 por Tommaso di Andrea Pisano, que conseguiu harmonizar os elementos góticos da sino-câmara com o estilo românico da torre.

Pisa - Torre Pendente - Exterior
Em 1993 foram iniciados trabalhos de restauro e consolidação da torre. As intervenções recentes conseguiram diminuir a inclinação da torre em cerca de 38cm, motivo pela qual foi reaberta ao público.

Na entrada principal podem ver-se desenhos em relevo que simbolizam a supremacia naval de Pisa.

Pisa - Torre Pendente - Relevo

A estrutura da torre incorpora duas salas. A primeira, conhecida pela Sala do Peixe, devido a um baixo relevo que representa um peixe. Esta sala não tem telhado e é a cave da torre.

A outra sala consiste na sino-câmara, no sétimo andar. Delimitada por parede na passagem superior, é aberta no centro, podendo ver-se o piso térreo da torre.

Pisa - Torre Pendente - Campanário

O campanário da torre é composto por um conjunto de sete sinos, sendo que cada um corresponde a uma nota musical.

Pisa - Torre Pendente - Sino Il Crocifisso

Para chegar ao topo temos de subir 294 degraus, divididos em três lances de escadas: uma ininterrupta da base até o sexto anel, outra em espiral, menor, que leva do sexto para o sétimo anel, e, finalmente, uma ainda menor que nos leva até ao cimo do sétimo anel.

Pisa - Torre Pendente - Escadaria
Diz-se que Galileo Galilei deixou cair duas balas de canhão de massas diferentes de cima da torre para demonstrar que a sua velocidade da descida era independente da sua massa.

Pisa - Torre Pendente - Placa evocativa

As vistas do topo do sétimo anel são surpreendentes. Consegue ver-se a cidade e o rio, bem como a organização de todo o Camposanto.
Pisa - Torre Pendente - Vista da cidade

Pisa - Torre Pendente - Topo



Sem comentários:

Enviar um comentário